Recomeçaram os grandes encontros de jovens

Depois de um período mais calmo, como é habitual durante o Inverno, recomeçaram em Taizé os grandes encontros de jovens. Nestas duas últimas semanas, sucederam-se na colina mais de 3000 jovens, sobretudo grupos de escolas francesas e portuguesas, mas vieram também jovens da república Checa, da Coreia, dos Estados Unidos (entre eles, 30 de Nova Iorque), etc. Os maiores grupos franceses vieram de Toulouse, Saint-Denis e Lyon. Os bispos de Angers e Rodez vieram a acompanhar os jovens. Estão em Taizé esta semana mais de 1000 portugueses, com grandes grupos das dioceses de Santarém, Viseu e Aveiro e também alguns jovens de Lisboa, do Porto e de Coimbra.

No primeiro dia da Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos, no dia 18 de Janeiro, teve lugar em Taizé, na Igreja da Reconciliação, uma oração, na presença do bispo de Autun e do Pastor de Chalon-sur-Saône. Como o tema dessa semana tinha sido preparado por cristãos brasileiros, dois irmãos que viveram neste país animaram um ateliê sobre a vida na fraternidade de Alagoinhas.

Duas semanas mais tarde, no final do pequeno conselho anual da Comunidade, os irmãos passaram uma bela tarde em Chalon-sur-Saône, com uma oração numa igreja do centro da cidade e uma visita à comunidade muçulmana: foi importante viver aquele encontro e fazer a experiência do acolhimento caloroso do imã e dos crentes reunidos nesse sábado à tarde.

Printed from: http://www.taize.fr/pt_article19306.html - 17 November 2019
Copyright © 2019 - Ateliers et Presses de Taizé, Taizé Community, 71250 France