Líbano, Fevereiro de 2013

A visita de um irmão

Um dos irmãos de Taizé esteve em Beirute dia 17 de Fevereiro para a instalação do novo Patriarca Ortodoxo de Antioquia, João X. Ele escreve:
Foi uma alegria inesperada poder regressar ao Líbano, em Fevereiro, depois de lá ter estado dez dias em Dezembro.
 
O convite dirigido à Comunidade de Taizé pelo Patriarcado Ortodoxo de Antioquia, para estarmos presentes dia 17 de Fevereiro para a instalação do novo Patriarca João X, foi uma oportunidade para expressar mais uma vez a nossa solidariedade com os cristãos do Médio Oriente.
 
A sede do Patriarca Ortodoxo de Antioquia é, desde o século XIV, Damasco. Foram organizadas duas cerimónias de instalação: uma em Damasco e uma em Beirute. Não foi possível participar na de Damasco, mas, estando em Beirute, pensei muito no povo da Síria. Pude dizer ao novo Patriarca, que viveu bastante tempo na Europa, o quanto a Síria está presente na nossa oração em Taizé.
 
Estiveram presentes muitos bispos ortodoxos e de outras igrejas. Entre eles, o irmão do Patriarca, que é bispo de Alepo. Quando lhe disse o quanto pensamos neles, imediatamente me perguntou: «Quando vêm a Aleppo?» A Igreja de Antioquia, fundada pelos Apóstolos Pedro e Paulo, é uma das primeiras igrejas cristãs. Foi em Antioquia que os discípulos de Jesus foram pela primeira vez chamados «cristãos».

Printed from: http://www.taize.fr/pt_article15398.html - 11 August 2020
Copyright © 2020 - Ateliers et Presses de Taizé, Taizé Community, 71250 France