Protecção das pessoas em Taizé

Questões de saúde

Para vir a Taizé é preciso:

• Ter cobertura médica ou seguro apropriados.
• As pessoas que vivem na União Europeia (excepto os franceses), devem trazer o Cartão Europeu de Seguro de Doença (portaldasaude.pt [https://www.sns24.gov.pt/guia/cartao-europeu-de-seguro-de-doenca/]), indispensável para o reembolso das despesas médicas.
• Os jovens com menos de 18 anos devem trazer e ter sempre consigo uma autorização parental, que designa como responsável pela autoridade parental em Taizé uma pessoa maior de 18 anos, que pode identificar problemas médicos conhecidos e dar autorização para intervir clinicamente em caso de emergência.
• Qualquer pessoa que tenha que tomar medicação regularmente deve assegurar-se de que tem o suficiente disponível para cobrir a duração da sua estadia.

Há um posto de primeiros socorros em Taizé:

• Os cuidados médicos são prestados por profissionais qualificados residentes em Taizé. Podem ser assistidos por outros profissionais de saúde que estejam de visita por uma semana ou podem ser encaminhados para os serviço de saúde locais.
• Todos estes profissionais aplicam as medidas postas em prática para a protecção das pessoas, particularmente dos menores.
• Em caso de necessidade médica, eles estão lá para ajudar e orientar. Se for necessário, é preferível solicitá-los prioritariamente.
• Os cuidados médicos para os menores de 18 anos só são realizados com o acordo da pessoa com autorização parental que deve estar sempre contactável por telefone.

Notas:

• Os participantes que tiveram recentemente uma doença infecciosa devem certificar-se que já não são contagiosos antes de virem a Taizé.
• Devem certificar-se que as vacinas estão actualizadas (especialmente contra o Tétano).
• Se tiverem que utilizar os serviços de saúde locais, devem estar conscientes que em França tem de se pagar antecipadamente. Cabe a cada um ver depois com o seu seguro se o reembolso pode ser feito.

Medidas de saúde no contexto da epidemia de Covid-19

A fim de garantir a máxima proteção para todos, especialmente os mais vulneráveis, lembramos que é essencial respeitar os «gestos barreira» e o distanciamento físico tal como são apresentados neste artigo. Estas medidas correspondem às directivas das autoridades civis em França.

Printed from: https://www.taize.fr/pt_article28386.html - 27 November 2021
Copyright © 2021 - Ateliers et Presses de Taizé, Taizé Community, 71250 France