Oração pela paz na Ucrânia

Quarta-feira, 2 de março

Em comunhão com a iniciativa de jejum e oração proposta pelo Papa Francisco, a Comunidade vai unir-se à oração pela paz na Ucrânia nesta quarta-feira, 2 de março.


Sábado, 26 de fevereiro

Ontem à noite, a vigília de oração pela paz na Ucrânia foi marcada por um longo período de silêncio, iniciado pela seguinte oração que o irmão Alois disse:

Cristo ressuscitado, em silêncio diante de ti, permitimos que se levante esta oração ardente: que o fogo das armas cesse na terra da Ucrânia! Acolhe no teu amor os que morrem por causa da violência e da guerra, conforta as famílias de luto, ampara os que tiveram que seguir o caminho do êxodo. Perante um sofrimento incompreensível, acreditamos, no entanto, que as tuas palavras de amor e de paz nunca passarão. Tu deste a tua vida na cruz e abriste um futuro para nós, mesmo além da morte. Por isso, imploramos: dá-nos a tua paz. Tu és a nossa esperança.

No final do tempo de silêncio, o canto «Laudate omnes gentes» foi retomado por todos na língua ucraniana «Славіте всі народи / Slavite vsi narody».


Quinta-feira, 24 de fevereiro

Perante os actos de guerra na Ucrânia, o irmão Alois disse esta quinta-feira a seguinte oração durante a oração do meio-dia em Taizé:

Deus de amor, ficamos desconcertados com a violência no mundo e agora especialmente pelos actos de guerra na Ucrânia. Concede que permaneçamos em solidariedade junto daqueles que sofrem e que vivem hoje com medo e angústia. Apoia a esperança de todos aqueles que, nesta querida região do mundo, procuram fazer prevalecer a justiça e a paz. Envia o Espírito Santo, o Espírito de paz, para inspirar os líderes das nações e todos os seres humanos.

Esta sexta-feira, às 20h00 (hora de Paris, 19h00 em Portugal continental), os irmãos e todos os jovens presentes em Taizé vão rezar em silêncio pela paz. Aqueles que desejarem participar nesta oração poderão associar-se graças à transmissão em directo.


Oração comunitária durante o encontro de Taizé em Lviv, dia 30 de abril de 2018

Printed from: https://www.taize.fr/pt_article33428.html - 6 October 2022
Copyright © 2022 - Ateliers et Presses de Taizé, Taizé Community, 71250 France