Porto

«Aconteceu Primavera»

Ao encontro das fontes da alegria!

Na «Página 1» de 4 de Março, D. Manuel Martins, Bispo Emérito de Setúbal, escreve:

«O Porto está a viver em missão. O Bispo sonhou que durante todo este ano não ficasse uma só pessoa sem o anúncio de Jesus Cristo. O programa idealizado é muito variado e aparece-nos marcado pela mensagem da festa, festa sentida por quem faz o anúncio, festa sentida por quem o recebe.

A marcha da missão conheceu neste mês de Fevereiro um ponto alto com a presença dos largos milhares de jovens vindos de 25 países, forjados no espírito de Taizé e que por todo o lado semearam a alegria da sua fé, com apelos e testemunhos de fraternidade e de paz.

Para cada um dos três dias de Carnaval aqui vividos traziam uma mensagem: escolha dos desejos, procura da partilha, aprofundamento da fé. Queriam dizer-nos, ao fim e ao cabo, que, a partir do seu encontro entusiasmado com Jesus que gerou a fé, se dispunham a seguir a estrela que lhes aponta o melhor caminho e a aceitar a vida num esforço vivo e constante de construção de uma sociedade nova. (...)

O homem enviado por Deus para lançar este movimento à terra foi o humilde e então ignorado frei Roger que, durante a segunda grande guerra mundial, se instalou numa casa abandonada que ia reconstruindo com o concurso dos refugiados e dos sem nada que o procuravam. Este convívio foi dando lugar a uma nova experiência fraterna que havia de transformar-se numa grande luz, de tal forma que se pode dizer que Taizé se tornou num magnífico sacramento, através do qual se vai manifestando o grande amor de Deus pelos homens.

Os jovens que aqui estiveram abriram portas de esperança que não vamos esquecer. Oxalá que a sua mensagem vá crescendo e frutificando cada vez mais.»

Printed from: https://www.taize.fr/pt_article9916.html - 2 December 2021
Copyright © 2021 - Ateliers et Presses de Taizé, Taizé Community, 71250 France